Um Pequeno Conto de Natal,

Agora em casa, depois da azáfama, o Pai Natal, nostálgico, enquanto ponha a última prenda na árvore para os Ajudantes e para as Renas, apercebia-se que era a única pessoa no mundo que não recebeu prenda, sentou-se na poltrona, olhou para a lareira que se finava, e pela primeira, vez sentiu-se só, uma lágrima caía.Lá fora nevava, naquela noite havia uma estrela com um brilho especial, abriu a janela colocou a carabina ao ombro e disparou contra a estrela. Não a consegui matar, sentou-se na poltrona, encostou o cano à boca, e num último momento apareceu um Anjo. O Anjo levou o Pai Natal para lhe mostrar como seria o mundo no futuro se ele suicidar-se. Depois de muito viajar, pairam sobre uma cidade. Lá em baixo um coro de crianças cantava alegremente canções de natal, os dois entraram num centro comercial onde crianças felizes tiravam fotografias com dezenas de Pais Natais, as ruas estavam iluminadas com vários motivos de natal. Por fim entraram numa casa onde uma família se reunia á volta da árvore, e o pai vestido com a roupa de pai natal, foi-lhes entregar presentes.

De volta ao Polo Norte, o Pai Natal pensou naquilo que o anjo lhe mostrou, levantou-se e foi buscar mais lenha para a lareira.

um conto de Natal gentilmente cedido pela filha de Xavier Marcelo, Dr.ª Veronique de Sousa e Marcelo

 

Anúncios
Published in: on Dezembro 22, 2007 at 11:57 am  Deixe um Comentário  
Tags: , , ,