Shawrtf-Biden

verde

De fino recorte, este poema escrito durante o seu retiro em Shawrtf-Biden:

“…Pérfida pessoa perfeitaPerto do porto de pazPérfida pessoa perfeitaPodre possivelmente petrificado…”

  In “P de Morte”, Edições Artemis  

Esta fase em Shawrtf-Biden será um dos momentos mais notáveis da lírica Xavieriana, isolado da civilização, aqui ele encontra o seu in-eu como diria Santyago Merida. Em  momentos tais como “ … Será que as aves não morrem com o teu olhar?..”. Puro Génio.

Published in: on Março 27, 2007 at 8:40 pm  Deixe um Comentário  

Na Praia

“… Na praia vejo o nada. Um som azul ecoa na minha cabeça e cheiro, cheiro as senhoras que passam em passo apressado. Fogem do mar em direcção das areias altas á procura de intimidade. No alto, proximo de Deus, vejo estes corpos brancos a cheirar a maresia com paladar a sal. Corpos sós e puros. Ai como eu gosto… 
Descubro que não estou sozinho. Mais alguém. …”

No livro ” Crónicas de um Futuro Mal Passado”

Interessantíssima esta narrativa que Xavier constrói a partir das memórias de infância do seu avô contadas á luz de uma lareira nas frias noites da Serra da Prageirinha. Xavier observa a flora e fauna em circunstancias diversas acompanhado de um discurso possível mas eficaz e mesmo sendo um homem atormentado não foge ás influências de autores consagrados como Tomás Paiva, Pais Leitão, Walter Sean Phillips, principalmente este último no seu aclamado romance “ Como uma Nêspera á Beira da Estrada”. Vejamos “…Este era o momento, não podia voltar atrás … “, Walter Sean Phillips, tradução do próprio Xavier Marcelo. E tudo se completa como um círculo.

Published in: on Março 23, 2007 at 11:03 pm  Deixe um Comentário  

Biografia, a tentativa de 89

17 de Janeiro de 89, Xavier dá entrada no Hospital São Gonçalo Sofredor, após tentativa de suicidio, devido á má recepção pelos criticos daquela que mais tarde iria ser uma das sua obras basilares ”  Último Folgo a Minha Expiação”

Published in: on Março 22, 2007 at 9:52 pm  Deixe um Comentário  

Poesia, …minha alma não tem gps…

“…o mapa da minha alma não tem gps
não tem coordenadas
não tem latitude e longitude
sou um bêbado do Amor…”

2001

Published in: on Março 22, 2007 at 9:41 pm  Comments (1)  

Xavier Marcelo?

Bem vindo a esta Blografia sobre Xavier Marcelo, mais conhecido pelo seu Alter-ego  X-MARX. Eu sou Dr. Martim Avelar da Silva Carvalho e estou a fazer um doutoramento dedicado essa figura incontornável do mundo Português que tem como nome Xavier Marcelo.

… Eu sou um intelectual português…” 

Nesta frase bombástica Xavier expressa todo o seu Génio que a História um dia irá se deslumbrar. Xavier deixo-nos alguns preciososo documentos literários que durante anos ficaram escondidos nas gavetas do tempo. No livro ” Poesia Para a Flora Intestinal”, Edições Artemis, Lisboa 92,  Xavier dá-nos verdadeiros murros no estômago e remexe-nos as entranhas, contemplemos o seu poema Eliminação Total

“/… Salvação da Soul
situação sofrida
não há gasol
não há corrida…/”
 

Neste verso, usando um jargão, Xavier pôs toda a carne no assador. 

Este é o primeiro post sobre Xavier Marcelo, espero ao longo do tempo divulgar mais precisosidades com ” Navegar nas Costas do Caracol”  ou ” Assim Também Eu Logo Existo”. Actualmente Xavier Marcelo encontra-se retirado.

QUEM TIVER INFORMAÇÕES, NOTICIAS, FOTOS, ALGUMA COISA SOBRE XAVIER MARCELO POR FAVOR UTILIZE ESTE BLOG 

Published in: on Março 22, 2007 at 1:15 pm  Comments (1)